FAQ


FAQ - SEBRAE OPEN INNOVATION [2º CICLO]

1O programa Open Innovation é direcionado apenas pra soluções voltadas pras MPE's?
Sim, são soluções voltadas para Microempreendedores, Microempresa e Empresa de pequeno porte - esse é nosso persona alvo principal, até pela atuação do SEBRAE.
2As Startups selecionadas no primeiro ciclo podem participar do segundo?
Não há impedimentos, contanto que a solução da Startup/Empresa preencha os critérios de seleção especificados no Regulamento da Chamada e possua equipe disponível dedicada à esta nova solução proposta. Portanto, sim, as startups selecionadas no 1º Ciclo podem participar dos outros Ciclos do Sebrae Open Innovation. Gostaria de saber se o programa é restrito para empresas de Pernambuco. Temos um sócio aí mas a empresa está registrada no Rio de Janeiro. É um problema?
3Gostaria de saber se o programa é restrito para empresas de Pernambuco. Temos um sócio aí mas a empresa está registrada no Rio de Janeiro. É um problema?
Não há nenhum impedimento: pessoas físicas, startups ou empresas de todo o país podem participar dos Desafios do Sebrae Open Innovation.
4 Quero propor uma solução que estruture uma plataforma de consultoria especializada escalável para atender a um dos desafios. Pergunta: a tecnologia precisa ser desenvolvida por nós, ou podemos nos valer de uma plataforma já existente porém nunca utilizada desse jeito?
O ideal, como se trata de um processo de encomenda tecnológica, é que a tecnologia seja customizada conosco durante o processo. Não queremos nada "pronto", mas sua solução não precisa vir do 0: o Sebrae Open Innovation está aberto a receber propostas de soluções em diferentes estágios. Isto porque a inovação aberta possui como intuito a construção de uma solução em conjunto, ainda que possamos começar essa construção de pontos de partida diferentes... Por se tratar de uma ETEC (Encomenda Tecnológica), o nível de risco tecnológico será analisado. Produtos maduros, validados, gerando receita significativa, que não necessitam de adequações, e consequentemente possuam baixo risco, não são objetos da chamada.
 

FAQ - SEBRAE OPEN INNOVATION [1º CICLO]

1Até quando eu posso me inscrever?
As inscrições vão até o dia 23/07/2021 e podem ser realizadas através do preenchimento de formulário disponível em nossosite
2Quantas propostas posso submeter?
Cada proponente pode enviar no máximo 3 (três) propostas, independentemente de serem elas direcionadas para o mesmo eixo de desafio ou para eixos diferentes. Caso seja do interesse do participante aplicar para dois desafios, este deverá realizar o preenchimento de dois formulários referentes a cada um dos desafios desejados. Se desejar aplicar sua solução para um único desafio, apenas um formulário deverá ser encaminhado.
3Qual é o valor de aporte do programa?
O programa Sebrae Open Innovation oferece a possibilidade de investimento financeiro estimado em R$ 40.000,00 (quarenta mil reais) para desenvolvimento de MVP (terceira fase do Ciclo de Inovação) de cada solução classificada e de até R$ 200.000,00 (duzentos mil reais) para consultoria customizada em cada solução durante a quarta fase do Ciclo de Inovação (Evolução e Go-To-Market).
4Como será regida a propriedade intelectual das soluções propostas?
A propriedade intelectual das soluções é compartilhada, podendo a empresa colaboradora explorar a solução desenvolvida junto a instituições terceiras interessadas em termos a serem negociados pelas partes e conforme o item 4 do Regulamento do projeto.
5Quais são os benefícios em participar do programa?
Alguns dos benefícios em participar do Sebrae Open Innovation incluem o envolvimento no Ecossistema de Inovação nacional e fácil acesso a potenciais clientes/usuários do SEBRAE-PE; mentoria especializada em design, agile, lean startup e business durante as. Fases de prototipagem e MVP; além da disponibilidade de equipe exclusiva do SEBRAE-PE para fornecer informações necessárias e fazer conexões com os clientes.
6Não vi no site uma área de desafio para desenvolvimento de soluções financeiras. Vocês pretendem abordar essa área?
Esse é o primeiro ciclo de inovação do SEBRAE Open Innovation. Teremos outros ciclos que abordarão outros além dos 6 desafios que já foram lançados. Fica ligado em nosso site
7​As soluções propostas devem partir da Ideação ou partem de alguma solução já desenvolvida?
O Sebrae Open Innovation está aberto a receber propostas de soluções em diferentes estágios. O processo, por exemplo, pode iniciar com a fase de ideação e validação para a construção de um protótipo não funcional. Destacamos que no processo de seleção também será considerado o grau de inovação e o Nível de Maturidade Tecnológica das soluções.
8Há a possibilidade do próprio SEBRAE adquirir licenças de uso da solução após o desenvolvimento?
Há, sim. No Regulamento, item “4 - PROPRIEDADE INTELECTUAL E TERMOS DE COMPROMISSO”, especificamos a propriedade intelectual das soluções com mais detalhes - inclusive as informações acerca da evolução das soluções. Você pode acessar o Regulamento aqui.
9Como funciona o critério de maturidade tecnológica? Serão priorizadas soluções já existentes?
São vários os critérios que serão considerados no processo. A solução, não necessariamente, precisa estar pronta. Na verdade, a inovação aberta possui o intuito da construção de uma solução em conjunto, ainda que possamos começar essa construção de pontos de partida diferentes. Por se tratar de uma ETEC (Encomenda Tecnológica), o nível de risco tecnológico será analisado. Produtos maduros, validados, gerando receita significativa, que não necessitam de adequações, e consequentemente possuam baixo risco, não são objetos desta chamada. Confira mais informações no Regulamento da chamada.
10Para participar é preciso ser pessoa jurídica ou eu, como pessoa física, posso submeter uma solução?
Pessoas físicas, startups, consórcios, ICTs ou qualquer outra pessoa jurídica capaz de implementar uma solução inovadora poderá participar do Sebrae Open Innovation. Se você não tiver um CNPJ inicialmente, no entanto, você precisará apresentar este documento a partir da fase de "Desenvolvimento de MVP", a terceira fase do Ciclo de Inovação.
11Com relação ao edital Sebrae Open Innovation, como solução para o desafio 1 - Competitividade do negócio tradicional na economia digital, é possível submeter projetos que visem otimizar e dar mais informação para os lojistas sobre o comportamento dos seus clientes em suas lojas físicas?
O objetivo do desafio 1 é desenvolver soluções que facilite o acesso e utilização das plataformas digitais visando o aumento no volume de vendas dos pequenos negócios por estes canais. Portanto, apesar de considerarmos extremamente pertinente otimizar e aumentar a performance das lojas físicas, este projeto não atenderia aos requisitos do desafio 1. De toda forma, agradecemos a pergunta e avaliaremos a pertinência relacionado a loja física para os próximos ciclos.
12Qual será o percentual do SEBRAE/PE sobre a Propriedade Intelectual?
A maturidade da solução e o valor investido pelo SEBRAE/PE serão determinantes para definir o percentual de royalties sobre a comercialização de titularidade do SEBRAE/PE. Os valores, portanto, serão negociados com cada proponente antes da fase de “go-to-market”. Contudo, vale destacar que o percentual de royalties será de no máximo 10% e que os valores só serão devidos a partir do momento que a solução faturar mais que R$ 50.000,00 por trimestre.
13É possível utilizar no desenho de solução proposta alguma tecnologia pré-existente seja de propriedade da empresa proponente ou de terceiros?
Sim, se for parte da solução e não for a proposta toda em si. Importante lembrar que o SEBRAE/PE espera uma proposta de solução baseada na realização de atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação que envolvam risco tecnológico. Além disso, é preferível que a nova solução não dependa exclusivamente da solução pré-existente, ou seja, caso haja algum problema com esta, a nova solução poderá ser rapidamente "plugável" em outra tecnologia similar.
14Caso a tecnologia pré-existente seja de propriedade da proponente, o SEBRAE teria algum direito sobre essa tecnologia?
Não. No entanto, é de extrema importância que se apresente como a tecnologia pré-existente será utilizada na solução para que se entenda a proposta e seus desdobramentos como um todo.
15O SEBRAE pode ser cliente da solução proposta?
Sim. Dos 6 desafios, 2 (Artefatos Digitais Para a Transformação Digital do SEBRAE e Conquista do Mindshare do Jovem) são de interesse exclusivo do SEBRAE e não do mercado. Apesar de estarem voltados a melhoria do relacionamento e atendimento do cliente atual e do futuro do SEBRAE/PE, as soluções poderão ser utilizadas e contratadas pela instituição. Portanto, não só o SEBRAE/PE pode contratar a solução, mas também os demais 26 SEBRAE estaduais e o nacional.
16Sobre o time que irá desenvolver a solução: é necessário já indicar a equipe de desenvolvimento no momento de inscrição? Enxergo que o time demanda múltiplas habilidades e a encomenda pode variar de acordo com a fase de prototipação. Faz diferença para o processo seletivo eu submeter um projeto em que eu esteja sozinho? Eu quero saber, basicamente, se priorizo tempo e esforço trazendo um desenvolvedor para a equipe.
De acordo com o Regulamento, item "3. Do Processo Seletivo", um dos critérios de seleção do Sebrae Open Innovation é a "Capacidade de execução e dedicação da Equipe", que abarca o conhecimento técnico, a habilidade comportamental, o nível de dedicação e experiência da equipe para construção da solução e desenvolvimento do negócio. Se você apresentar uma equipe no momento da inscrição de sua solução consequentemente você irá ganhar pontos, já que irá trazer algo de concreto para a proposta. Você também pode considerar a opção de indicar o perfil da pessoa contendo as especificações de suas qualidades e/ou atribuições, e especificar que irá contratar essa pessoa em momento futuro. Lembramos que as propostas serão avaliadas a partir da composição de todos os critérios estabelecidos no Regulamento (disponível no site).
17Preciso listar a minha equipe já no momento da solução? Preciso de um desenvolvedor para a minha equipe?
De acordo com o Regulamento, Item 3. Do Processo Seletivo, um dos critérios de seleção do Sebrae Open Innovation é a "capacidade de execução e dedicação da Equipe – Conhecimento técnico, habilidade comportamental, nível de dedicação e experiência da equipe para construção da solução e desenvolvimento do negócio". Se você já apresentar essa(s) pessoa(s) no momento da inscrição você consequentemente irá ganhar pontos, já que irá trazer algo "concreto" para a proposta. Você também poderá trazer o(s) perfil(is) da pessoa, com as especificações de suas qualidades e/ou atribuições, e especificar que irá contratar essa(s) pessoa(s) em momento futuro.
18Sou de outro estado (não sou de PE). Posso propor uma solução?
Sim, o Sebrae Open Innovation é aberto para todos os estados e regiões. Pessoas de todo o Brasil podem participar.
19Há delimitação de idade e/ou de cargo para submissão de propostas ao Sebrae Open Innovation?
Não temos delimitação por idade nem por cargo e/ou ocupação para a submissão de propostas ao Sebrae Open Innovation. No entanto, destacamos que Indicamos no regulamento "a fundamental necessidade da presença do empreendedor da solução em todas as etapas do Ciclo de Inovação". Inclusive, no Formulário de Inscrição solicitamos as informações deste membro da equipe. Tendo isso em mente e caso entenda que a proposta atende ao(s) desafio(s), fique à vontade para participar!
20Onde e como posso assistir à gravação do Challenge Day do Sebrae Open Innovation?
O Challenge Day, que aconteceu no dia 10/03, foi gravado. Você pode acessar o evento através desse link no Youtube do Porto Digital ou através da página de cada desafio no Site
21Gostaria de saber se posso inscrever mais de um projeto para o Sebrae Open Innovation e se é possível inscrever mais de uma proposta por desafio.
Pode, sim. Destacamos que será necessário enviar um formulário respondido para cada um dos desafios de interesse. Por exemplo: caso seja do seu interesse aplicar para dois desafios, você deverá realizar o preenchimento de dois formulários (cada um referente ao desafio desejado). Cada proponente pode enviar no máximo 3 (três) propostas, independentemente de elas serem direcionadas para o mesmo eixo de desafio ou para eixos diferentes.
22Eu já preciso ter uma startup para participar e submeter uma proposta?
Não. Você pode se inscrever como pessoa física: "pessoas físicas, startups, consórcios, ICTs ou qualquer outra pessoa jurídica capaz de implementar uma solução inovadora pode participar do programa". Se você não tiver um CNPJ inicialmente, no entanto, você precisará apresentar este documento a partir da fase de "Desenvolvimento de MVP" (a terceira fase do Ciclo de Inovação).
23Para participar do Sebrae Open Innovation necessita ter CNPJ? Ou só a ideia + pitchdeck?
Você, como pessoa física, pode submeter sua proposta inovadora de acordo com os critérios dispostos em nosso Regulamento e através da aba "Inscrições" em nosso site. Se você não tiver um CNPJ inicialmente, no entanto, você precisará apresentar este documento a partir da fase de "Desenvolvimento de MVP" (a terceira fase do Ciclo de Inovação).
24Olá, tenho algumas dúvidas com relação a sessão 4 - Propriedade intelectual e termos de compromisso - no Desafio 3. Está escrito: “A empresa colaboradora ficará livre para evoluir e comercializar a solução, comprometendo-se o SEBRAE-PE a dar-lhe preferência para o desenvolvimento de atualizações que o SEBRAE-PE pretenda contratar, desde que observadas condições comerciais razoáveis e compatíveis com o mercado”. Dúvida: Isso faz sentido para o Desafio 3, ou diz respeito apenas às soluções desenvolvidas para uso interno do SEBRAE-PE?
Faz sentido para todos os desafios, incluindo o 3. Só saberemos mais à frente como se dará as relações comerciais e modelo de negócio de cada solução a ser desenvolvida, entretanto, o SEBRAE pode identificar que é relevante aportar recurso para atualizações que são estratégicas para melhor atender seu público após o término do contrato de desenvolvimento.
25Olá, tenho algumas dúvidas com relação ao briefing do Desafio 3. Com relação às obrigações LEGAIS (burocracias do MEI), além de “1. Emissão de nota fiscal, 2. Emissão de boleto 3. Pagamento mensal do DAS (Simples Nacional para MEI) e 4. Declaração anual de faturamento” há mais alguma?
Os serviços relacionados a questão burocrática demandada pelos MEIs são:
- Emissão de nota fiscal
- Emissão de boleto
- Pagamento mensal do DAS (Simples Nacional para MEI)
- Declaração anual de faturamento
- Alteração cadastral
- Parcelamento
Mas vale ressaltar que o que é tratado no desafio 3 vai além dessas questões burocráticas, quando tratamos da necessidade de ter uma ferramenta que apoie o MEI na sua gestão financeira e carteira de clientes de forma simples e compatível com a rotina de trabalho dele.
26Submeti uma proposta através do formulário de inscrição. É possível editar a minha proposta?
Não é possível editar a proposta enviada, mas você pode enviar uma nova proposta com as informações e/ou ajustes feitos - para fins de avaliação nós só iremos considerar a proposta mais recente.
27Para participar do Sebrae Open Innovation se faz necessário apenas o preenchimento do formulário de inscrição, correto? Não preciso enviar o projeto digitalizado em anexo?
Você não precisa enviar nada digitalizado: para participar do 1º Ciclo, basta preencher o formulário de inscrições disponível em nosso site através da aba "Inscrições".
28Quero propor uma solução que estruture uma plataforma de consultoria especializada escalável para atender a um dos desafios. Pergunta: a tecnologia precisa ser desenvolvida por nós, ou podemos nos valer de uma plataforma já existente porém nunca utilizada desse jeito?
O ideal, como se trata de um processo de encomenda tecnológica, é que a tecnologia seja customizada conosco durante o processo. Não queremos nada "pronto", mas sua solução não precisa vir do 0: o Sebrae Open Innovation está aberto a receber propostas de soluções em diferentes estágios. Isto porque a inovação aberta possui como intuito a construção de uma solução em conjunto, ainda que possamos começar essa construção de pontos de partida diferentes... Por se tratar de uma ETEC (Encomenda Tecnológica), o nível de risco tecnológico será analisado. Produtos maduros, validados, gerando receita significativa, que não necessitam de adequações, e consequentemente possuam baixo risco, não são objetos da chamada.